top of page

Primavera Sobre Rodas: um passeio para desfrutar o Alentejo

A fugir ao ritmo acelerado da capital e atraídos pelas maravilhas mais a sul, a primeira edição do Primavera Sobre Rodas levou os clássicos até Évora, cidade património da humanidade, no passado domingo, dia 16 de abril.


Recebidos por Victor Lamberto, anfitrião dos Clássicos Portugal no Alentejo e profundo conhecedor dos ritmos e costumes locais, demos início a um dia de acalmia, cultura e convívio. O passeio a pé, quando o sol ainda permitia a caminhada, deu a conhecer os recantos da cidade e partes da história edificada, com destaque para a sempre pertinente passagem pelo Templo Romano de Évora (ou Templo de Diana).


Chegada a hora de provar as iguarias, fomos até à Bruxa D’Évora, não para feitiçarias, mas para degustar os pratos deste restaurante típico que recupera a memória de uma das personagens mais populares e misteriosas da região.


Provado e aprovado o conceito de “slow food” - que nos remete para uma refeição feita com tempo e valorização dos sabores -, fomos ao “slow cars”, que convida à tranquilidade dos passeios de carro, vagarosos e a desfrutar da paisagem.


A paragem seguinte foi o Convento do Espinheiro, hoje convertido em Historic Hotel & Spa, onde ficámos a conhecer a beleza do local, tal como a sua envolvência histórica e religiosa.


Antes do regresso a casa, houve ainda tempo para uma prova de cerveja, na Magnífica, uma fábrica onde se podem degustar cervejas artesanais, nacionais e internacionais.

E assim terminou o primeiro Primavera Sobre Rodas, em Évora, recordando que “Para se ter uma vida longa é preciso viver devagar” (Cícero), frase citada por Victor Lamberto num dos artigos que escreveu para a imprensa sobre o conceito de “slow cars”.



127 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Comentários